CONTATO

  • (49) 3323-5177
  • (49) 3323-2122
  • (49) 3323-0516

Destaque

Fotografia destaque

21/05/2018

Parceria entre prefeitura e Sebrae resultou no estudo "Chapecó em Números" com informações que sintetizam dados para gerenciar município.

Últimas
da
Chape

5,6% dos imóveis tem mosquito aedes aegypti

Notícia postada em 13/03

O Levantamento Rápido de Índice de Infestação por Aedes aegypti (LIRAa) apontou que 5,6% dos imóveis de Chapecó tem a presença do mosquito Aedes Aegypti. Os dados foram divulgados nesta segunda-feira (12) pela Administração Municipal.

Os Agentes de Combate as Endemias estiveram nas ruas para realizar visita, inspeção e coleta de amostras para identificar a real infestação do mosquito no Município. Na classificação, índices menores de 1, são considerados satisfatório, de 1 à 3,9 são índices de alerta; e maiores de 3,9 são considerados índices de risco.

O levantamento é realizado duas vezes por ano e 20% dos imóveis são visitados, desde casas, empresas, comércios, terrenos baldios. O LIRAa é realizado por orientação do Ministério da Saúde e as informações geradas e os levantamentos de índices de infestação devem ser utilizados como ferramenta para direcionamento e qualificação das ações de prevenção e controle do mosquito.

Dicas importantes para evitar a presença do mosquito:

Cuidado especial no armazenamento e destinação do lixo, mantendo-o em recipiente fechado e disponibilizando-o para recolhimento pela Limpeza Urbana na frequência usual;

Jamais descarte o lixo ou qualquer outro material que possa acumular água no quintal de casa, no quintal de vizinhos, na rua ou em lotes vagos;

Mantenha a caixa d’água sempre limpa e totalmente tampada. Além disso, mantenha as calhas livres de entupimentos para evitar represamento de água;

Elimine os pratinhos de vasos de plantas; caso não seja possível mantenha-os limpos e escovados pelo menos três vezes ao dia;

Mantenha limpos e escovados os bebedouros de animais domésticos; a água deve ser trocada diariamente; mantenha piscinas sempre em uso e devidamente tratadas;

Atenção especial ao sair de férias para que esses cuidados estejam garantidos na ausência do morador.

Conteúdo disponível sob Licença Creative Commons     |     Desenvolvido por Infoway Soluções em Informática