Facebook
FoneFone: (49) 3361-3110

João Rodrigues está apto a concorrer a prefeitura de Chapecó em 2020

Por unanimidade os desembargadores do Tribunal de Justiça de Santa Catarina (TJSC), em sessão desta terça-feira (26), absolveram o ex-prefeito João Rodrigues, de um processo de 2006, sobre uma compra de óleo diesel, realizada pela Prefeitura de Chapecó.

A denuncia foi apresentada pelo Ministério Público, questionando a decisão da prefeitura em atender pedido da empresas responsável, reequilíbrio financeiro – com os argumentos de que houve reajuste no preço do produto.

O Ministério Público (MP) entrou com uma ação contra o prefeito da época, com a alegação de houve documentos falsos e argumentos falsos no reequilíbrio financeiro.

Conforme a assessoria de imprensa do Tribunal de Justiça, o Ministério Público tem um prazo de 20 a 30 dias para recorrer à decisão.

Diante da decisão do TJ, João Rodrigues manifesta interesse para ser pré-candidato pelo PSD, a prefeitura de Chapecó.



NEWSLETTER

Assine a nossa newsletter para receber as novidades da nossa Super Condá!


Fale conosco

Entre em contato conosco, envie suas sugestões.

(49) 3361-3110
(49) 3361-3120