Facebook
FoneFone: (49) 3361-3110

Estudos do Sebrae apontam os setores da economia mais atingidos com crise do COVID-19

Estudos do Sebrae apontam que os setores de moda, varejo tradicional, alimentação fora do lar, construção civil, beleza, logística e transportes e peças automotivas são os mais atingidos com os impactos da crise econômica provocada pela pandemia Coronavírus em Santa Catarina.

475.285 empresas que atuam nessas categorias no território catarinense, 26.480 em Chapecó.

O estudo também aponta que no Estado há 785.147 negócios formalizados, entre microempresas, pequenos negócios e microempreendedores individuais.

Desse número, 583.073 sofrerão diretamente, o que corresponde a 74% dos negócios.

O Sebrae atua para prestar orientações práticas aos empresários e contribuir com a redução dos reflexos econômicos da doença sobre as micro e pequenas empresas.



NEWSLETTER

Assine a nossa newsletter para receber as novidades da nossa Super Condá!


Fale conosco

Entre em contato conosco, envie suas sugestões.

(49) 3323-5177
(49) 3323-2122