Facebook
FoneFone: (49) 3361-3110

Cesta de produtos básicos está mais cara em Chapecó

Pesquisa realizada pelo curso de Ciências Econômicas da Unochapecó, em parceria com o Sindicato do Comércio da Região de Chapecó, aponta que o aumento do custo monetário do cesto de 57 produtos básicos é de 6,29%, em comparação a setembro.

Esse é o maior aumento registrado desde abril de 2017, quando chegou a 8,83%.

O aumento monetário no custo do cesto básico foi de R$ 94,46 para os consumidores neste mês de outubro.

Em setembro, o valor necessário para adquirir o cesto era de R$ 1.501,76 e neste mês chegou a R$ 1.596,22.

Se a comparação for feita entre os últimos 12 meses, o aumento registrado é 20,73%, considerando que em outubro de 2019 o custo total do cesto era de R$ 1.322,14, o que representa diferença de R$ 274,08.

O produto que puxou o aumento do preço do cesto neste mês é a banana, em 72,83%. Já a redução mais significativa foi verificada na couve, em 14,66%. Neste mês, uma família chapecoense necessita de 1,53 salários mínimos líquidos para adquirir o cesto de produtos básicos.



NEWSLETTER

Assine a nossa newsletter para receber as novidades da nossa Super Condá!


Fale conosco

Entre em contato conosco, envie suas sugestões.

(49) 3361-3110
(49) 3361-3120